O Cambista e a sua mulher

O Cambista e a sua mulher

8 minutos “O Cambista e a sua mulher“ (“Le Prêteur et sa femme”) é uma pintura a óleo sobre madeira, realizada em 1514 pelo belga, mestre humanista flamengo, Quentin Metsys (França) ou Quentin Matsys (Brasil) ou Quinten Massijs (em Holandês). Como prefiro chamá-lo, Metsys (1466-1530), ao estabelecer residência aos 25 anos na Antuérpia (Bélgica) suas obras contribuíram significativamente para o renascimento da arte flamenga do retrato, do paisagismo e do naturalismo, seguindo a linha dos aclamados pintores Jan van Eyck (1390-1441), Rogier van der Weyden Leia mais

A Dama em azul

A Dama em azul

5 minutos A Dama em azul (La Dame en Bleu) é um dos mais belos exemplos do Louvre, entre as diversas estatuetas em terracota descobertas em 1870, na antiga cidade grega de Tânagra na atual Beócia. Época na qual passaram a serem chamadas de: Estatuetas de Tânagras ou “Tanagréennes“ (sem tradução). As mais antigas são do século VI a.C. sendo que as maiores quantidades descobertas são do período Helenístico ou seja de 338 a 31 a.C. A Dama de azul foi datada entre 330 Leia mais

Velho pescador ou Sêneca moribundo

Velho pescador ou Sêneca moribundo

4 minutos Velho pescador ou Sêneca moribundo (em francês: Vieux pêcheur, dit Sénèque mourant). Escultura do século II d.C., realizada em Roma, em mármore preto e alabastro, por um artista desconhecido. O conjunto tem 1,83 metros. de altura. Um pouco fora do percurso habitual dos visitantes, escondido atrás de um parede branca, na sala do “Manège”, encontra-se a escultura de um velho pescador ou um senhor moribundo, realizado a partir de um original grego do período helenístico (338-31 a.C.) sobre um suporte do século XVI, Leia mais

Dama de Pedra ou Dama de Auxerre

Dama de Pedra ou Dama de Auxerre

5 minutos Dama de Pedra ou Dame de Auxerre é uma das obras mais misteriosas do Louvre. Elegante e sedutora, ela é uma atração especial entre arqueólogos, historiadores e amantes da arte. Sua origem, provavelmente na Creta antiga, foi realizado por uma artista desconhecido, entre 640 a 630 a.C. A forma feminina representada nesta figura, coloca em duvidas todos que a estudam, se ela é uma representação divina ou terrena? Muito mistério ainda envolve essa estatueta fascinante que por sorte chegou ao Louvre, por Leia mais

São Sebastião por Andrea Mantegna

São Sebastião por Andrea Mantegna

13 minutos São Sebastião por Andrea Mantegna (1431-1506) pintado por volta 1480, é uma joia do Museu do Louvre que nos permite compreender um pouco melhor a origem do estilo renascentista na Itália e que teve audácia de romper com o estilo medieval tanto explorado durante toda a Idade Média. O final da Idade Média por volta 1456 ficou marcada por uma devoção muito forte a São Sebastião, pois uma lenda atribuiu-lhe um papel de protetor contra a peste que vinha dizimando com a Leia mais

Joias da Coroa da França

Joias da Coroa da França

24 minutos As Joias da Coroa da França na Galeria Apolo, do Louvre são o que restaram da esplendorosa coleção que começou a ser reunida em 1532, pelo rei Francisco I (1515-1547) transmitida e enriquecida por vários outros soberanos franceses, e que infelizmente foi leiloada quase que por completo, pelo Estado em 1887. A Galeria de Apolo foi uma antiga galeria de recepção construída em 1661 por ordens de Luís XIV, pelo arquiteto Charles Le Brun (1619-1690) segundo um tema iconográfico, sobre a a corrida Leia mais

O combate de Davi e Golias

O combate de Davi e Golias

4 minutos O combate de Davi e Golias (ou Davi matando Golias), realizado pelo pintor italiano maneirista, Daniele Ricciarelli, conhecido como: Daniele da Volterra (1509-1566). É a uma obra raríssima do Louvre e única no mundo, que apresenta personagens, com vista de frente e verso, e pintadas sobre o mesmo suporte, no caso, uma placa de ardósia com 1,33 metros de altura por 1,72 metros de comprimento, pesando por volta de 200 kg. O debate: Daniele da Volterra produziu por volta de 1550 e Leia mais

A grande Pirâmide de vidro

A grande Pirâmide de vidro

14 minutos A grande Pirâmide de vidro do Louvre: história, controvérsias e significados. Projetos ícones de Mitterrand: François Mitterrand, presidente da França de 1981 até 1995, marcou seus dois mandatos, e a cidade de Paris, com vários projetos inovadores e modernos de construções e renovações arquitetônicas que ficaram conhecidos como: ”A Grande Operações de Arquitetura e Urbanismo” ou “As grandes Obras de Mitterrand” (“Les Grandes Opérations d’Architecture et d’Urbanisme” ou  “Les Grands Travaux de Mitterrand“). Sua intenção desde no inicio do seu 1° mandato Leia mais

Pingente da família do deus Osíris

Pingente da família do deus Osíris

3 minutos Pingente da família do deus Osíris (874 a 850 a.C.) de ouro maciço e lápis-lazúli é uma autêntica obra-prima de ourivesaria antiga egipciana. Apesar da presença de Osíris, grande deus dos mortos, foi considerada que esse conjunto de estatuetas divinas, não foi realizada para ser uma joia decorativa fúnebre, mas ao contrário, que ela deveria pertencer ao tesouro de um Templo, do rei Osocor II (874 a.C.-837 a.C.), 5° faraó da 22° dinastia. Com apenas 9 cm de altura por 6 cm Leia mais

Napoleão coroando a imperatriz Josefina

Napoleão coroando a imperatriz Josefina

27 minutos Napoleão coroando a imperatriz Josefina é o que vemos de verdade nessa pintura, e não ele se autocoroando, como muitas pessoas pensam. O título dada a obra no Wikipédia em português: “A Coroação de Napoleão”, está escrita de forma errada. Já no site do Louvre está escrito: “Le Sacre ou le Couronnement“, que traduzido para o português seria: “A Sagração ou o Coroamento”, que parece ser o mais correto, ao menos para mim. A Cena No início a 1° ideia do pintor Jacques-Louis David (1748-1825) era realmente Leia mais