Esculturas

Santa Maria Madalena alemã

Santa Maria Madalena alemã

3 minutos Santa Maria Madalena alemã, em madeira de tília policromada trabalhada entre 1515 e 1520 pelo escultor alemão Gregor Erhart (1470-1540), um mestre renomado do século XVI. Foi encomendada provavelmente para decorar o interior da igreja Santa-Madalena do convento dos Dominicanos de Augsbourg, (Alemanha), restaurada entre 1513 e 1515. A estátua se encontrava sustentada por anjos, suspensa no teto por uma estrutura oval metálica, visível em todos os lados. A lenda: Segundo a lenda, Santa Maria Madalena após evangelizar uma parte da região Leia mais

Apolo perseguindo Dafne

Apolo perseguindo Dafne

5 minutos Apolo perseguindo Dafne são duas obras realizadas no início do século XVIII, por dois irmãos escultores franceses: Apolo por Nicolas Coustou (1658-1733) e Dafne por Guillaume I Coustou (1677-1746). As duas obras dos irmãos Coustou, baseado ma mitologia grega ilustra uma passagem do livro Metamorfoses, de Ovídeo (43 a.C – 17 ou 18 d.C.), sobre a perseguição que a ninfa Dafne sofreu pelo insistente deus Sol, Apolo loucamente apaixonado pela flechada que recebeu do deus Amor, Eros (filho de Afrodite e Ares). Leia mais

Galeria de Apolo, história e segredos

Galeria de Apolo, história e segredos

18 minutos Galeria de Apolo, história e segredos começa pela Pequena Galeria construído em 1566 por Carlos IX (1560-1574), onde havia na cobertura um terraço aberto com vista para o rio Sena. Em 1594, o rei Henrique IV (1589-1610) ordenou que esse terraço fosse fechado e construído no local, uma galeria de prestígio, para expor os retratos de antigos reis, rainhas, e homens ilustres da França. Chamada na época como Galeria dos Reis (futura Galeria de Apolo) tinha como objetivo principal fazer a ligação Leia mais

Voltaire nu

Voltaire nu

5 minutos “Voltaire nu” que poderia ter sido chamada do: “Triunfo do espírito sobre a fragilidade do corpo” é uma escultura em mármore realizada por Jean-Baptiste Pigalle (1714-1785) em 1776. Obra que quando pronta fez um grande escândalo na sociedade época pela abusada representação do filósofo iluminista. Em 17 de abril de 1770 durante um elegante jantar que contava com alguns representantes da sociedade literária de Paris, entre os quais Denis Diderot (1713-1784) e Jean le Rond d’Alembert (1717-1783), Claude-Adrien Helvétius (1715-1771), barão Von Grimm (1723-1807), Leia mais

As Três Graças

As Três Graças

3 minutos As Três Graças ou Cárites, são as deusas da beleza na mitologia grega, representadas nuas, em pé, e graciosamente abraçadas. Geralmente a jovem do centro, sempre aparece de costas para o expectador. Segundo alguns poetas gregos são elas (da esquerda para direita): Eufrosina (alegria), Aglaia (elegância e esplendor) e Tália (juventude e abundância ), representantes da “Vida” em toda sua plenitude, símbolos da sedução, concórdia, gratidão, da criatividade e da fecundidade. Espalham a alegria da natureza nos corações dos homens e dos Leia mais

Milon de Crotone

Milon de Crotone

3 minutos Departamento de esculturas. França séculos XVII e XVIII. Altura: 2,70 m ; Largura: 1,40 ; Comprimento: 0,80 m. Ala Richelieu / Cour Puget / Nível entressolo / Sala 105. Milon de Crotone foi uma escultura encomendada a Pierre Puget (1620-1695) pelo rei Luís XIV (164-1715) para decorar a ala central do Jardins de Versalhes. Realizado entre 1671 e 1682, com três blocos de mármore de carrara cedido pelo 1° ministro do rei, Jean-Baptiste Colbert (1619-1683). Puget foi um dos maiores representantes da Leia mais